India Herbs
SOLUÇÕES ANTIGAS PARA OS TEMPOS MODERNOS
Title
Ayurveda Fórmula Aprovada para o Sistema Imune
INÍCIO
Ingredientes
Fito Perfil
Resultados
Ayurveda
FAQ
Depoimentos
Garantia
Compre Agora
Webmasters
Distributor
Newsletter
Video
Quem Somos
Fale Connosco

Chame-nos em +1-800-721-0650

  In English
  En Français
  In Italiano
  En Español


100% Extratos

MÓDICO
APROVADO
Our Medical Board
Get a Consultation

Click to verify BBB accreditation and to see a BBB report.

See All Products

View our Product Catalog
Download the PDF Version

Visite também o nosso site para:
Anti Aging
Arthritis
Beauty
Brain Power
Cardiovascular
Cuidar Próstata
Desintoxicação
Excitação Feminina
Lover's Yoga
Mood Support
Perda de Peso
Potência Masculina
Sangue Saudável
Sonífero
Strength
Virilidade Masculina
Yoga for Virility




Tell Your Friends!


A Chave para uma Boa Saúde é:
Forte Imunidade e Preservação das Células

Nossa equipe de médicos ayurvédicos, treinada, combinou a experiência de mais de 100 anos de aconselhamento e assistência a homens e mulheres, fazendo-os:

Melhorar a Resposta Imune.
Minimizar Resfriados, Gripes e Alergias.
Recuperarem-se Rapidamente de Doenças.
Impedir Doenças Crônicas.
Reduzir as Chances de Ter Câncer.
Manter Boa Saúde com Envelhecimento.

Depois de conduzir extensas pesquisas e testes conjuntos, nossa equipe desenvolveu a mais potente fórmula de ervas para resolver os principais problemas cerebrais de modo seguro e natural.

Além do processo registrado para produzir as cápsulas de Immunice, os princípios científicos envolvidos já foram testados e aprovados por mais de cinco mil anos! Por séculos, praticantes da Ayurveda na India usaram várias ervas Ayurvédicas misturadas com leite, mel e outros nutrientes para evitar doenças e desfrutar de vidas produtivas sem dependência de produtos farmacêuticos.

Immunice é o meio mais seguro e eficiente de você experimentar total rejuvenescimento de seu Sistema Imune e saúde.

O que há em Immunice e como ele funciona?

As informações a seguir foram compiladas de traduções de antigos textos ayurvédicos, a não ser quando dito:

1) Dhanvantari Nighantu (Século X)
2) Madanpal Nighantu (Século XIV)
3) Raj Nighantu (Século XV)
4) Keyadeva Nighantu (Século XVI)
5) Bhavaprakash Nighantu (Século XVI
6) Rajavallabh Nighantu (1703)
7) Nighantu Sangraha (1758)
8) Nighantu-Ratnakar (1867)

Immunice contém os 9 mais potentes concentrados imunomoduladores a base de ervas disponíveis na Ciência Ayurveda e apoiados por estudos clínicos. Quando usados de maneira correta e misturados dentro de nossos processos registrados, 228 fitonutrientes naturais executam 509 atividades sinergísticas em seu corpo para fortalecer seu Sistema Imune, reduzir inflamação e danos oxidativos, combater a infecção, e suprimir o crescimento anormal das células.

Immunice fortalece seu Sistema Imune melhorando a ativação das células T, melhorando a proliferação dos Linfócitos, células da medula óssea, e Timócitos, aumentando a produção de anticorpos, Leucócitos, Citocina e glóbulos vermelhos, aumentando o nível de mastócitos e estimulando a Fagocitose e a atividade fibrinolítica do plasma no seu corpo. Ele reduz a inflamação por Curcuminóides e combate danos oxidativos desintoxicando peróxidos, inserindo antioxidantes naturais potentes (superóxido dismutase, catalase, glutationa peroxidase) e aumentando os níveis de antioxidantes endógenos. Immunice combate infecções, auxiliando a respiração, executando uma ação expectorante, retendo muco, controlando a febre, neutralizando toxinas fúngicas, combatendo bactérias e vírus e purificando seu sangue. Ele suprime o crescimento anormal das células, suprimindo a produção de Interleucina-8, estimulando a apoptose através de níveis elevados de Glutationa e defendendo as células de radiações, substâncias químicas nocivas e outros estímulos.

Tome uma simples cápsula de Immunice duas vezes ao dia para manter e intensificar esses efeitos na sua mente ao longo do tempo.

Immunice é uma seleção registrada de ervas especiais conhecidas pelas suas propriedades para melhorar a imunidade. Extratos concentrados dessas ervas foram misturados numa combinação potencialmente eficiente para aumentar a assimilação e aproveitar da potência efetiva de cada ingrediente enquanto elimina os efeitos colaterais indesejados. Selecionadas em toda a Índia, incluem:

Amalaki - Phyllanthus Emblica (Amla)
Amalaki contém os seguintes fitonutrientes: Alanina, Arginina, Ácido Ascórbico, Ácido Aspártico, Astragalina, Betacaroteno, Beta-Sitosterol, Boro, Cálcio, Ácido Chebulágico, Cobre, Corilagina, Cistina, Glicose-D, Ácido Elágico, Galato de Etila, Fibra, Ácido Gálico, Galo-Tanino, Glicose, Ácido Glutâmico, Glicina, Histidina, Ferro, Isoleucina, Kaempferol, Kaempferol-3-O-Glicosídeo, Leucina, Leucodelfinidina, Ácido Linoléico, Lupeol, Lisina, Magnésio, Manganês, Metionina, Ácido Mirístico, Niacina, Ácido Oléico, Ácido Palmítico, Pectina, Fenilalanina, Fósforo, Filemblin, Potássio, Quercetina, Riboflavina, Rutina, Selênio, Serina, Sódio, Amido, Ácido Esteárico, Sacarose, Enxofre, Tanino, Terchebin, Tiamina, Treonina, Triptofano, Tirosina, Valina, Zeatina e Zinco. Ela também possui substâncias parecidas com a citocina identificadas como Zeatina, Riboside Zeatina e Nucleotide Zeatina. 

Amalaki contém até 720 mg de vitamina C por 100 g de polpa fresca e 921 mg por 100 cc de sumo, o que consiste aproximadamente em 20 vezes a quantidade de vitamina C presente em uma laranja. A vitamina C é um antioxidante essencial para a saúde celular e para manter uma defesa ótima contra resfriados e outras doenças. Ela age como um substrato para a ascorbato peroxidase, que é uma enzima que desintoxica peróxidos para reduzir os danos oxidativos a biomoléculas e células. Ela é necessária para a síntese de Carnitina, que é importante no transporte de energia para a mitocôndria, que serve como energia celular de plantas. Ela possui propriedades cito-protetoras e imunomoduladoras que protegem as células de substâncias químicas nocivas e outros estímulos. A Amalaki também possui uma propriedade realçadora do Sistema Imune, com tonificante e efeito anti-envelhecimento. Ela possui propriedades antibacterianas, cardiotônicas, antioxidativas, antivirais e construtoras de resistência que evitam infecções. O extrato de Amalaki também exerce um efeito rádio-protetor que reduz os danos da radiação terapêutica.

Ashwagandha - Withania Somnifera (Ashwagandha)
Ashwagandha contém os seguintes fitonutrientes: 4-Beta-Hidroxivitanolida, 4-O-Ácido-Cafeoilquínico, Beta-Sitosterol, Campesterol, Ácido Clorogênico, Colina, Cisteína, Daucosterol, Dulcitol, Hidroxiprolina, Isopelletierina, Ácido Linoléico, N-Hentriacontane, Quercetina, Ácido Quínico, Rutina, Escopoletina, Citoindosida-Ix, Citoindosida-X, Citoindosidas, Soniferina, Amido, Ácido Esteárico, Estigmasterol, Sacarose, Tropina, Visamina, Vitacnistin, Vitaferina, Vitaferina-A, Vitanolideo-D, Vitanolideo-E e Vitasonina.

O extrato de folhas de Ashwagandha estimula o seu Sistema Imune e realça a ativação das células T. Estudos mostram que Ashwagandha melhora a proliferação de linfócitos, células da medula óssea e timócitos em resposta a mitógenos (substâncias químicas que encorajam células a começar a divisão celular). Pesquisadores da Universidade Banaras Hindu, em Varanasi, na Índia, descobriram também que a Ashwagandha contém antioxidantes naturais potentes (superóxido dismutase, catalase, glutationa peroxidase) que aliviam o estresse do corpo, realçam a cognição, reduzem inflamações e ajudam em atividades anti-envelhecimento, antigenotóxicas (previne danos causados por mutações) e anti-artríticas. Essa erva também exerce um efeito imunosupressor que ajuda a tratar doenças autoimunes, como artrite reumatóide e esclerose múltipla. Ela contém alcalóides que possuem efeitos relaxantes e anti-espasmódicos nos músculos intestinais, uterinos, bronquiais, traqueais e sangue-vasculares. Na Ayurveda, a Ashwagandha é popularmente conhecida como uma erva medicinal imunoestimulante usada para melhorar a saúde geral e prevenir doenças, especialmente nos mais velhos.

Guduchi - Tinospora Cordiofolia (Indian Tinospora)
Os principais ingredientes da Guduchi (tinosporina, tinosporida e tinosposarida, entre outros alcalóides) ajudam a controlar a febre e possuem propriedades anti-inflamatórias e imunoestimulantes. A Guduchi melhora a resistência do seu organismo a infecções, aumentando a produção de anticorpos e ativando seu Sistema Imune através da elevada materialização da citocina. Estudos revelam que a Guduchi exerce atividades antioxidantes diretas e indiretas que atuam junto com sua propriedade rádioprotetora, que defende contra os efeitos da radiação. Foi provada também sua ajuda a pacientes diabéticos a recuperarem-se de úlceras. A Guduchi é usada na Ayurveda para o tratamento de diversas doenças, fortalecendo a resistência do organismo e como imunomoduladora para icterícia, fibrose hepática, peritonite e sepse.

Tulasi - Ocimum Tenuiflorum (Holy Basil)
A Tulasi é considerada uma "erva maravilhosa" por causa de suas muitas propriedades medicinais. Ela contém os seguintes fitonutrientes: Ácido Ascórbico, Betacaroteno, Beta-Sitosterol, Carvacrol, Eugenol, Eugenol-Metil-Éter, Ácido Linoléico, Metil-Chavicol, Mucilagem, Ácido Oléico, Ácido Palmítico, Saponinas, Ácido Esteárico, Tanino, and Xilose. A Tulasi exibe propriedades anti-bacterianas, anti-fúngicas, anti-microbianas, anti-inflamatórias e antivirais. Ela auxilia a respiração e possui ação expectorante para ajudar a tratar infecções do trato respiratório. As folhas de Tulasi contêm ácido ursólico, um triterpeno que reduz a liberação de histamina, elevando o número de mastócitos no organismo. Mastócitos são mais conhecidos por seu papel na proteção a alergias, cicatrização de feridas e defesa contra patógenos. A Tulasi também exerce uma atividade antipirética, que previne ou reduz a febre, baixando a temperatura corporal em situações críticas. Sua ação anti-inflamatória reduz perigosas inflamações causadas por artrite, câncer e distúrbios neurológicos degenerativos. A erva Tulasi tem sido usada há séculos para tratar uma variedade de condições médicas, incluindo problemas cardíacos, asma, bronquite, artrite e afecções oculares.

Haritaki - Terminalia Chebula (Chebulic Myrobalan)
A Haritaki contém os seguintes fitonutrientes: Arginina, Ácido Ascórbico, Asparagina, Ácido Chebulágico, Ácido Chebulínico, Corilagina, Ácido Elágico, Frutose, Ácido Gálico, Glicose, Ácido Linoléico, Maltose, Ácido Oléico, Pectina, Ácido Fosfórico, Ácido Quínico, Ácido Chiquímico, Sorbitol, Ácido Succínico, Sacarose, Terchebin e Xilose. Os princípios ativos e componentes de Haritaki, Ácido Chebulínico e Corilagina, são conhecidos pelos seus efeitos na diminuição da pressão sanguínea em resposta a contrações vasculares aórticas e cardíacas. Sua fruta possui propriedades laxativas, digestivas, tônicas e alterativas que ajudam a restabelecer a saúde normal ao corpo depois de uma doença. A Haritaki também possui efeitos imunomoduladores que fortalecem seu Sistema Imune na luta contra doenças infecciosas emergentes. Estudos indicam que essa erva também tem capacidades radioprotetoras. A Haritaki tem sido amplamente utilizada na Ayurveda para a purificação do sangue e como um adaptógeno que possui a capacidade de imobilizar muco resultante da bronquite e da asma.  

Brahmi - Centalla Asiatica (Gotu Kola)
Brahmi é uma planta medicinal rica em bioflavonóides, triterpenos e selênio, que rejuvenescem células e promovem saúde física e mental. Ela possui os seguintes fitonutrientes: 2,3-Dihidrobenzofurano, Alfa-Humuleno, Alfa-Pineno, Alfa-Terpineol, Alumínio, Ácido Ascórbico, Ácido Asiático, Asiaticosida, Ácido Aspártico, Astragalina, Beta-Bisaboleno, Beta-Caroteno, Beta-Elemeno, Beta-Pineno, Beta-sesquifelandreno, Beta-Sitosterol, Ácido Betulínico, Brahminosida, Cálcio, Campesterol, Canfeno, Cânfora, Óxido de cariofileno, Cromo, Cobalto, Delta-Cadineno, Ácido Elaidico, Farnesol, Fibra, Gama-Terpineno, Geraniol, Germaceno-D, Glicose, Ácido Glutâmico, Glicina, Inositol, Ferro, Isoquercitrina, Kaempferol, Ácido Lignoférico, Limoneno, Linalol, Ácido Linoléico, Madecassosida, Magnésio, Manganês, Metanol, Mirceno, Nerol, Nerolidol, Niacina, Ácido Oléico, Oxiasiaticosida, Ácido Palmítico, Pectina, Felandreno, Fósforo, Potássio, Piridina, Quercetina, Rafinose, Riboflavina, Saponinas, Selênio, Silicone, Sódio, Ácido Esteárico, Estigmasterol, Tanino, Tiamina, Estanho, Tolueno, Trans-Beta-Farneseno e Zinco.

Pesquisas médicas confirmam a atividade imunomoduladora do extrato de Brahmi em ambas as reações celulares não-específicas e imune humorais. Experimentos clínicos de produtos contendo o extrato demonstram que a Brahmi possui um efeito ayurvédico Medhya Rasayana e cruza a barreira hemato-encefálica para nutrir e estimular o cérebro, que é o órgão-chave para a ativação do seu Sistema Imune. Ela aumenta os glóbulos vermelhos, que contêm Hemoglobina. A hemoglobina leva o dióxido de carbono dos tecidos, ajudando, assim, no rejuvenescimento da célula. Estudos identificaram o potencial quimiopreventivo e anti-câncer da Brahmi. A Brahmi tem sido tradicionalmente usada para tratar uma variedade de distúrbios, incluindo infecções e condições inflamatórias, doenças de pele, bronquite e asma. 

Guggulu - Commiphora Mukul (Guggul)
A Guggulu contém os seguintes fitonutrientes: Alumínio, Beta-Sitosterol, Cálcio, Colesterol, Cobre, Ácido Elágico, Ácido Ferúlico, Guaijaverina, Hiperosida, Ferro, Magnésio, Quercetina, Quercetina-3-O-Beta-D-Glucuronida, and Quercitrina. A Guggulu aumenta a atividade fibrinolítica do plasma, o que ajuda na coagulação do sangue e evita que corpos estranhos entrem no organismo. Ela aumenta os leucócitos no sangue e estimula a fagocitose, que serve para remover corpos estranhos na luta contra infecções. A Guggulu é usada como um agente purificador que ajuda a rejuvenescer as células e tecidos, ajuda no equilíbrio do sistema nervoso e resolve enfermidades relacionadas ao sistema reprodutor, como o ciclo menstrual irregular. Seus principais componentes, Ácido Manusumbiônico e Manusumbinona, conferem uma proteção significativa contra o desenvolvimento da ateroesclerose, uma doença que afeta os vasos sanguíneos arteriais. A Guggulu também é conhecida por suas propriedades anti-inflamatórias.

Haridra - Curcuma Longa (Turmeric)
A Haridra contém os seguintes fitonutrientes: 1,8-Cineol, 2-Hidroxi-Metil-Antraquinona, Alfa-Pineno, Alfa-Terpineol, Ar-Turmerona, Ácido Ascórbico, Azuleno, Betacaroteno, Beta-Pineno, Beta-Sesquifelandreno, Bis-Desmetoxicurcumina, Borneol, Boro, Ácido Caféico, Cálcio, Ácido Caprílico, Cariofileno, Cromo, Ácido Cinâmico, Cobalto, Cobre, Curcumenol, Curcumina, Curdiona, Di-P-Cumaroil-Metano, Dicinamoilmetano, Diferuloilmetano, Eugenol, Feruloil-P-Cumaroil-Metano, Fibra, Frutose, Glicose, Guaiacol, Ferro, Isoborneol, Limoneno, Manganês, Niacina, Níquel, O-Ácido-Cumárico, P-Ácido-Cumárico, P-Cimeno, PÁcido-Metoxi-Cinâmico, P-Tolimetilcarbinol, Fósforo, Potássio, Ácido Protocatecuico, Riboflavina, Sódio, Ácido Siríngico, Terpineol, Tiamina, Turmerona, Ukonan-A, Ukonan-B, Ácido Vanílico, Zinco e Zingibereno. 

A Haridra possui poderosas propriedades antioxidantes e tem sido prescrita para tratar distúrbios inflamatórios, biliares e respiratórios. Ela contém uma mistura de poderosos fitonutrientes antioxidantes conhecidos como Curcuminóides. Os três principais Curcuminóides são Curcumina, Demetoxicurcumina e Bisdemetoxicurcumina. Eles possuem propriedades anti-inflamatórias e anti-hepatotóxicas (de manutenção do fígado). A Haridra ajuda na cicatrização de feridas e possui propriedades purificadoras do sangue. Ela suprime os radicais livres e aumenta a glutationa presente nos rins e antioxidantes endógenos. A Glutationa ativa a apoptose - o processo onde células mutantes ruins se auto-destroem. Além de serem usadas em tratamentos para aflições dos rins, estudos recentes revelam que os compostos em Haridra podem suprimir a produção de Interleucina-8, que induz o crescimento celular anormal (câncer) no organismo. A Haridra também auxilia a prevenir a glicação - uma consequência de quando açúcar e proteína se ligam sob a fermentação do próprio organismo e fundem órgãos vitais.

Maricha - Piper Nigrum (Pepper)
A Maricha possui os seguintes fitonutrientes: 1,8-Cineol, 2-Undecanona, Alfa-Humuleno, Alfa-Ácido-Linolênico, Alfa-Pineno, Alfa-Selineno, Alfa-Terpineno, Alfa-Terpineol, Ar-Curcumeno, Ácido Ascórbico, Ácido Benzóico, Beta-Bisaboleno, Betacaroteno, Beta-Elemeno, Beta-Pineno, Beta-Selineno, Borneol, Boro, Ácido Butírico, Cálcio, Camfeno, Cânfora, Carvacrol, Carvona, Óxido Cariofileno, Cloro, Cromo, Ácido Cinâmico, Cis-Ocimeno, Citral, Citronelal, Acetato Citronelil, Cobalto, Cobre, D-Limoneno, Delta-3-Careno, Delta-Cadineno, Dihidrocarveol, Eugenol, Fibra, Gaba, Gama-Terpineno, Acetato de Geranil, Ácido Hexanóico, Iodo, Ferro, Isocariofileno, L-Limoneno, Ácido Láurico, Acetato de Linalil, Ácido Linoléico, Magnésio, Manganês, Metil-Cinamato, Metil-Eugenol, Mirceno, Ácido Mirístico, Miristicina, Mirtenal, Mirtenol, Nerolidol, Niacina, Níquel, Ácido Oléico, Ácido Oxálico, P-Cimeno, Ácido Palmítico, Perilaldeído, Fósforo, Piperidina, Piperina, Potássio, Riboflavina, Sabineno, Safrol, Sódio, Amido, Enxofre, Terpineno-4-Ol, Terpinoleno, Acetato de Terpinil, Tiamina, Trans-Carveol, Trans-Pinocarveol, Ubiquinona e Zinco.

Os constituintes ativos da Maricha são Piperina, Chavicina, Piperidina, and Piperetina. Na Ayurveda, ela é usada como um estimulante aromático para combater a fraqueza no corpo causada por febres e resfriados. Sendo um extrato potente numa razão de 6 para 1, Maricha possui propriedades bacteriostáticas e fungistáticas, proporcionando a capacidade de neutralizar toxinas fúngicas nos alimentos. Ela também possui um potencial antimutagênico que reduz a taxa de mutações celulares causadas pela radiação UV e pelo brometo de etila.

Estes ingredientes compõem uma fórmula registrada, que trabalha diretamente no seu corpo com impacto positivo na imunidade, antiinflamação e saúde celular a longo prazo.

 Nome Sânscrito
 Nome Científico
 Nome Padronizado

Could not connect to Host